Pular para o conteúdo principal

Matéria com Madalena Feliciano no Exame!

Quem segue estas 4 regras simples evita gafes no trabalho!


Confira as atitudes básicas que facilitam, e muito, a convivência no escritório e diminuem as chances de conflitos profissionais, segundo especialista.



São Paulo - Pode até parecer bobagem, mas cometer gafes no trabalho é algo que vai minando as relações com chefes e colegas e pode, sim, prejudicar a sua reputação profissional.

É o que afirma Madalena Feliciano, diretora da Outliers Careers. E isto faz sentido em um cenário em que as pessoas são contratadas por sua competência técnica e demitidas por suas deficiências comportamentais.
De acordo com ela, quem segue algumas regras básicas evita grande parte das gafes. Veja quais são:
1 Observação do ambiente
Observar antes de agir é essencial para não ganhar fama de “o chato do escritório”. Segundo Madalena, muitas gafes ocorrem por falta de atenção ao ambiente.
Comentários, risadas e piadas fora de hora, interrupções desnecessárias, trocar nomes de colegas são, muitas vezes, resultado de pouca observação. Esteja atento.
2 Familiaridade com a cultura da empresa
Há lugares em que o acesso aos chefões é livre. Por outro lado, há empresas em que a hierarquia deve ser estritamente respeitada e ir direto à sala do diretor, sem antes falar com o gerente, pode ser uma atitude mal interpretada.
Existem empresas em que o dress code é totalmente informal. Mas existem organizações em que a roupa é bastante observado.
Estes são apenas dois aspectos variáveis de um ambiente a outro e que fazem parte da cultura das empresas. Para quem considera um mistério a cultura do seu local de trabalho, existem maneiras fáceis de descobri-la.
3 Comunicação objetiva
A habilidade de comunicação tem sido uma característica muito valorizada pelas empresas. E objetividade é essencial.
Nada mais irritante do que profissionais que falam demais, que abusam de “achismos”.
“É preciso saber se colocar e ter conhecimento do assunto antes de falar”, diz Madalena. Ouça mais e espere ter certeza antes de falar.“Se a pessoa não tem conhecimento do assunto é melhor dizer que prefere pesquisa antes de falar”, diz Madalena.
4 Cordialidade
Postura cordial é fundamental, sempre, segundo a especialista. Disposição para ajudar os colegas e atitude respeitosa evitam mais problemas de relacionamento do que você imagina.
“Educação vem em primeiro lugar”, afirma Madalena.Trate colegas, subordinados, chefes e clientes como gostaria de ser tratado.
Postura corporal também deve receber atenção já que pode denunciar seus pensamentos. Por exemplo: ficar “jogado” na cadeira e com o rosto apoiado pela mão durante uma reunião são claros sinais da falta de vontade de estar ali. E, provavelmente, quem está falando vai perceber isso.







Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os pilares da confiança no trabalho e como construí-los

A confiança é um dos princípios fundamentais da construção de relacionamentos. Ela, contudo, não acontece de um dia para outro, exige o que a pessoa tem de melhor, se desenvolvendo aos poucos. Ela precisa ser conquistada com nossas ações e comportamentos.

Assim como na vida pessoal, relacionamentos profissionais também dependem dela para se manterem saudáveis. “Uma relação de confiança no ambiente de trabalho cria espaço para a cooperação, o comprometimento, a circulação de ideias inovadoras, superação das diferenças, aumentando a satisfação no trabalho e melhora da comunicação”.

Mas quais são os pilares da relação de confiança no ambiente profissional? Confira e veja ainda quais os passos para construir um relacionamento baseado na confiança:

Honestidade, integridade e coerência
“Não posso dizer confie em mim, mas por meio destes três aspectos eu estabeleço o vínculo de confiança”. Para que um indivíduo confie em alguém e se comprometa com ele é preciso acreditar nele. “Perceber que é ve…

A ética nossa de cada dia

Parte da matriz profissional, a ética garante uma carreira sólida e bem sucedidaA ética profissional faz parte da vida de muitos trabalhadores, afinal, para se construir uma carreira duradoura, é necessário manter uma conduta louvável, fundamentada em princípios e valores éticos e morais. Considerada como o ato de cumprir suas obrigações de sua área profissional sem violar nenhum princípio, a ética profissional, segundo Madalena Feliciano,  CEO do Instituto Profissional de Coaching, deve ser cercada por valores como:
A honestidade e integridade – “sempre buscar fazer seu trabalho de maneira honesta, prezando sua credibilidade”.O sigilo e o respeito – “respeitar o cliente, o colega de trabalho. Não tirar vantagens de situações, não firmar compromissos que não pode cumprir, etc.”, exemplifica Madalena.A contribuição social – “todo trabalho pode trazer uma contribuição para a sociedade. O de coaching, por exemplo, tem a capacidade de contribuir para o desenvolvimento de pessoas”, ressalta.…

Para alcançar o sucesso é preciso estudar a empresa

Madalena Feliciano diz que é necessário alinhar valores para ter sucesso profissional. Até mesmo para enviar o currículo a uma empresa é sempre bom conhecer sua cultura para ver se seus valores batem com os dela. Para isso, a internet é uma grande aliada para descobrir itens como missão, visão e valores, que são importantes quando for chamado para uma entrevista. No processo seletivo, o candidato pode aproveitar para descobrir várias outras informações sobre a empresa, prestando atenção nas perguntas feitas pelo selecionador e pelas atividades que deverão ser realizadas. “Profissionais que mostram conhecimento anterior e interesse sobre a empresa ganham pontos positivos com o entrevistador e futuros chefes. A atenção neste momento pode garantir um bom resultado no mais para a frente”, diz Madalena Feliciano, gestora de carreira da Outliers Careers. Ao entender melhor a cultura e o funcionamento da empresa, o profissional conseguirá identificar também seus pontos fracos e terá bons critér…